Posts Tagged ‘superação’

José Luiz Tejon (@luiztejon) no Man in the Arena #032 #MitA

Comments Off on José Luiz Tejon (@luiztejon) no Man in the Arena #032 #MitA
 |  by  |  liderança, man in the arena, vida, vídeo, videopodcast  |  Comments Off on José Luiz Tejon (@luiztejon) no Man in the Arena #032 #MitA
YouTube Preview Image

Neste episódio (#032), conheça a história de José Luiz Tejon, jornalista e publicitário com uma trajetória pessoal e profissional marcada por conquistas e superações. Foi CEO da OESP Mídia, empresa do Grupo O Estado de São Paulo; é palestrante, tendo recebido o prêmio Top of Mind Estadão de RH em 2011 e escreveu em autoria e co-autoria 28 livros, alguns deles best-sellers.

Leia mais

Correndo a meia maratona das cataratas, 5 de julho

Comments Off on Correndo a meia maratona das cataratas, 5 de julho
 |  by  |  correr  |  Comments Off on Correndo a meia maratona das cataratas, 5 de julho

1

meia-cataratas-2

Dia 5 de julho desse ano corri a meia maratona das cataratas, em Foz do Iguaçu. Me encontrei lá com meu irmão que passou uma semana inteira para comemorar o aniversário. A corrida foi excelente, a melhor prova que já participei.

Porque gostei:

  • local belíssimo
  • bem organizado
  • muita água e isotônico
  • corredores animados (como sempre)

Como corri e como me senti

  • mesmo com chuva e frio, mas me senti bem demais
  • fiz meu melhor tempo, 2 horas e 8 minutos
  • muitas subidas, muito bom treino para resiliência

meia-cataratas

Uma coisa única em corrida de longa distância:

  • por mais que muita gente corra, você corre sozinho, você contra você, não importa o quanto os outros correm
  • cheguei no lugar da corrida ainda escuro, muito frio (uns 12-15°C), chovendo, eu apenas de camiseta semi-transparente e feliz da vida

Meta até o final do ano: correr uma maratona completa, talvez em Buenos Aires, em outubro.

Update: meu irmão também correu a meia das carataratas.

Escrevi outros posts sobre corridas:

Correndo minha primeira meia-maratona

topo_news_mmsp_fotos_2009

No início do mês, dia 8 de março, corri minha primeira meia-maratona. Foi uma experiência marcante. Um grande desafio superado. O cansaço no final (e durante) a prova é forte. A sensação de superação ao terminar a prova e depois é muito boa. Fiquei com a impressão de ter terminado algo que iria me lembrar por toda a vida.

miguel_foto01

Durante a corrida, pensamentos mil. Minha cabeça funcionou a mil por hora. Pensei em tanta coisa, refleti sobre tantos assuntos. Incrível como a corrida ajuda minha cabeça funcionar melhor.

miguel_foto02

Muita gente correndo, com muita concentração, mas ficou uma impressão de que tinha menos festa e mais corrida. E isso não é negativo. É apenas um sinal de que a distância não é fácil. Depois de correr uma meia, 10 km parece brincadeira. Como disse um cara quando pegava o kit, no sábado, dia anterior a corrida: “Eu não saio de casa para correr 10k”.

miguel_foto03

Como foi a corrida

Água em muitos pontos, acho que a cada 2 Km. Os ganhadores correm muito. Vi uma das mulheres da elite correndo, uma coisa incrível.

miguel_foto04

Depois do Km 19 tudo é demorado, lento. Parecia que a placa do Km 20 não aparecia nunca. Terminei muito mais cansado do que imaginava. Veja as fotos, é fácil perceber quais são mais do início ou mais para o final. É só olhar a cara de cansado e como a camiseta está encharcada.

miguel_foto05

Gel energético parece ajudar muito. Consumi 3 na prova. Um 15 minutos antes, depois a cada 45 minutos. Meio caro, mas acho que ajuda, pelo menos o psicológico. :)

miguel_foto06

Boa organização. A turma que corre meia-maratona é mais “viciada” que os que correm 10k, foi a minha impressão. Me parece que 10k é quase para todo mundo. Na meia, já é mais selecionado para quem gosta “mesmo” de correr. Não dá para um atleta de final de semana se aventurar.

miguel_foto07

Tem que treinar mesmo. Eu tinha falhado vários treinos, corrido bem menos do que esperava, e o resultado foi marcante. Nas duas provas que corri com meu irmão, acabei as duas 1 minuto na frente dele. Nessa, ele terminou incríveis e longos 6 minutos na minha frente. Uma eternidade. Ainda dou o troco.

miguel_foto08

Próximas corridas

Minha regra agora é me inscrever em todas que for factível ir, pois o tempo vai passando e compromissos vão surgindo. Ia correr a do dia 5 de abril e acho que não vou mais, pois me contrataram para uma palestra no mesmo dia. No final de maio, iria participar de outra no RJ, mas devo participar de um workshop nos EUA na mesma data. Mais uma perdida.

miguel_foto09

Para a de 5 de abril, minha meta é correr 12 vezes, em média 1 hora cada, antes da corrida. Até o momento foram 6 corridas. Acho que vou conseguir cumprir com o planejado. Pela primeira vez.

miguel_foto10

A outra chance é a meia de Foz de Iguaçu, no início de julho, que talvez vá com meu irmão, e comemoramos lá o aniversário dele. Se der certo, vai ser show.

miguel_foto11

Maratona completa

Correr uma maratona inteira deve ser simplesmente incrível. É minha meta até o final do ano. Bem ousada, mas possível. Vamos lá.

miguel_foto12

6 lições de Lance Armstrong

 |  by  |  desafios  |  1 Comment

lancearmstrong

Acabei de ler o post 6 Things I Was Reminded of by Lance Armstrong, no blog Life Optimizer. Um resumo do livro Every Second Counts escrito pelo ciclista norte-americano, famoso por vencer sete vezes o Tour de France, depois de superar um problema sério de saúde (câncer).

As 6 lições de Lance Armstrong são:

  • Trabalhe duro para o que você quer. Nada vem de graça. A dor e o cansaço são temporários.
  • Desafie a você mesmo. Todo dia faça uma coisa que te assusta.
  • Tenha metas. Para ter direção e significado.
  • Confie em você mesmo. Não duvide do seu potencial. Acredite que você pode.
  • Tenha foco. Muita gente perde a corrida antes da largada, pois está com a cabeça em outro lugar.
  • Priorize. Se você quer alguma coisa, é preciso ir atrás. Para isso, muitas vezes é preciso abrir mão de outras opções.

Gostei muito do resumo e fiquei com vontade de ler algum dos livros dele. Concordo com todos os pontos. É um bom resumo de como ter sucesso. Me inspirou a me dedicar mais, nos negócios e nas corridas. Vamos lá.

Minha performance na corrida São Silvestre 2008, 31-12-2008

saosilvestre07

percurso2

Publico aqui um resumo da minha performance na São Silvestre 2008, corrida de rua em São Paulo.

Corri com meu irmão Joaquim, meu melhor companheiro de corrida (que foi com playlist, Nike+ e tudo no Ipod).

  • minha segunda corrida, primeira vez inscrito
  • tempo estimado de 1 hora, 36 minutos (pelo Polar), 9 minutos mais rápido que na corrida anterior
  • corri a prova inteira (sem andar em nenhum momento, como fiz ano passado em alguns trechos, quando o Polar apitava)
  • piores momentos – Km 12 e 13
  • bebi água em todos os pontos de hidratação
  • tomei dois gels energéticos, fornecidos pelo meu irmão Joaquim, que correu comigo
  • sem ressaca fenomenal no dia seguinte (ao contrário da vez anterior, que foi terrível, depois de algumas poucas taças de vinho)
  • 1 gatorade antes da prova e 4 depois
  • almoço com lasanha, jantar apenas com petiscos (não era o aconselhado, mas…)
  • ida para cama 00:15h de 01-01-2009 (quase não vi a contagem regressiva rs…)
  • vontade de fazer em 01h e 15min na próxima vez
  • vontade de correr mais provas em 2009 (foram 2 em 2008)

Aproveito para publicar algumas fotos que tirei com o IPhone.

Momentos antes da corrida

081231_sao_silvestre_2008-015

Joaquim antes da corrida

Joaquim

Algumas figuras da São Silvestre

081231_sao_silvestre_2008-023

081231_sao_silvestre_2008-031

081231_sao_silvestre_2008-007

Obrigado Joca, pela companhia. Em 2009, estamos aí!

Publiquei também um resumo do que eu acho que é correr a São Silvestre.

Update: Joaquim, meu irmão, acabou de publicar um post super completo sobre a prova.